top of page

O que é o amor?


No vasto jardim do coração, o amor floresce,

Tece laços que o tempo não desvanece.

É a dança suave das almas em harmonia,

Uma melodia, dia após dia.


O olhar é o reflexo de estrelas a brilhar,

Um farol que guia, sem nunca vacilar,

É a força que pulsa, com o próprio pulsar,

Uma chama eterna que nada a pode apagar.


Nas palavras, a poesia que se revela,

Um eco suave que a alma modela.

É o calor do abraço, a doçura do beijo,

Uma sinfonia de afeto sem apego ou desejo.


O amor é tecido que entrelaça o destino,

Um elo suave que a alma modela.

É compreensão, paciência e perdão,

Uma arte divina que transforma a solidão.


O amor é fogo que aquece e ilumina,

Em chamas ardentes, a vida domina.

É faísca que dança, em noites escuras,

Abrindo caminhos, num mundo de almas puras.


É brasa que persiste, mesmo sob ventos frios,

Uma luz que guia, entre outros desafios.

É calor que envolve, num abraço apertado,

No calor do afeto, algo delicado.


O amor é chama que queima sem consumir,

É labareda que se espalha, sem se extinguir,

Num calor eterno que faz o coração pulsar,

Em cada gesto, a doçura de se amar.


É fogueira que aquece a noite mais fria,

Um calor intenso que tudo alumia

É calor de alma, em seu esplendor

O fogo sagrado, que é o próprio amor.


Amor é um sentimento,

Amor é uma emoção,

É o primeiro conhecimento

Que se partilha até mais não.


Na amizade é de salientar,

Consolo para a dor sem hesitar.

É na palavra confiar,

E estar sempre a sonhar.


A amizade é ternura,

Alegria,

É cultura,

É como magia.


Amor não tem forma,

É livre de se expressar,

Tanto quanto o deixar.


Na antiga sociedade,

Não se podia fazer nada

Porque a vida era controlada,

E não se podiam juntar,

À pessoa amada.


Quem nos dera que fosse só na antiga sociedade,

Pois ainda no séc. XXI

Há quem viva com a infelicidade,

De não poder ser fora de comum.


O amor é um sentimento

Que precisa partilhar

A doçura de um sorriso

E a ternura de um olhar.


É um sentimento amável,

E inexplicável,

E ainda que traga consigo alguma dor…

É amor!


Leonor Silva 9ºA e Matilde Pereira 9ºB

(Poema escrito e declamado no dia 14 de dezembro de 2023, no âmbito do projeto “Rede nacional das

Escolas de Amor” e “Oficinas de Bem-Estar”)

36 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page